29.11.13

Eu acho que eu gosto mesmo de você


Eu queria ser a pessoa que te faz sentir um friozinho na barriga, estar no seu lado naquelas fotos cheias de amor no Instagram, queria poder te encontrar naquele local cotidiano e correr para os seus braços e dizer o quanto você é importante pra mim, mexer nos seus cabelos durantes nossos encontros mesmo que não fossem um encontro a dois, de ser a pessoa com quem você falaria por horas no telefone e ainda mandaria mil mensagens no WhatsApp. Gostaria de te ter nos meus braços e poder falar sobre qualquer assunto bobo, de ser a pessoa que te faria feliz e tiraria qualquer tristeza de perto de você. Gostaria de ter seu corpo pertinho do meu, de receber o seu carinho no meu resto até a gente pegar no sono no sofá da sala. 

Essa fase de conquista é inteiramente boa, é uma pena que muitas vezes a história de amor acaba mesmo sem ela ter começado e a conquista mesmo nunca acontece, ou se acontece a gente simplesmente finge que não aconteceu e foge de tudo. Eu sou do tipo de pessoa que descrevem por ai, que fuça o perfil no Facebook a cada segundo pra saber se tem alguma coisa acontecendo que eu não saiba, que olha as fotos sem parar no Instagram, e olho de novo, dá like, comenta, sem muito medo. Mas e agora, você não faz isso por medo ou por falta de interesse mesmo? Como pode alguém ser tão misterioso assim, por favor deixe só mais uma dica.

Vejo aquele sorriso e queria poder ser o motivo dele estar tão lindo, sempre. Ainda não sei o real motivo das coisas serem tão complicadas entre a gente. Quando te vi pela primeira vez foi como se eu tivesse visto o que sempre procurei em alguém, seus olhos, sorriso, cabelo, jeito de falar, de agir, exatamente tudo. Não sei porque até agora tudo deu errado. Eu só queria ser o que você é pra mim, o que você se tornou ao longo do que te conheci. É impossível dizer que de uma hora pra outra eu vou conseguir te esquecer, ainda mais pela divisão de espaço que temos a cada dia.

Dia desses li em um livro que o amor nasce em tempos difíceis e acho que você é o tempo mais difícil que já tive e se ainda não é amor eu desejo para que seja, ou que simplesmente se torne fácil pensar em ser só uma amiga. Você diz que nunca gostou de alguém, e eu acho que nunca gostei de alguém como você. Tão real e tão perto, e isso parece doer ainda mais. Apesar de saber que o tempo que nos conhecemos não é tempo suficiente para caracterizar como qualquer sentimento tão forte que aparecem nos livros e filmes, na vida real parece tão intenso quanto em qualquer ficção. Eu sei que não vai ser fácil te tirar dos meus pensamentos e desisti de vez de qualquer coisa com você, mas posso te pedir uma coisa? Ou vai ou fica. É doloroso essas idas e vindas, esse chove não molha e esse vai e não vai, e ao contrário da Pitty na música "Na Sua Estante", eu não tenho uma armadura montada, posso me ferir a qualquer momento. Eu ainda acredito ser a pessoa que vai fazer você sentir o que nunca sentiu por alguém, mas você não me deixa chegar perto e eu não quero ouvir o que já ouvi antes, não quero apenas sua amizade. Então me abraça forte e apenas se permita sentir, se mesmo assim você quiser que eu vá, eu prometo nunca mais tentar.

Obrigada pela inspiração de sempre, Pitty.

Comente com o Facebook:

10 Comentários

  1. ''Eu queria ser a pessoa que te faz sentir um friozinho na barriga,'' Sei como é.. =D

    ResponderExcluir
  2. Amei o texto me fez lembrar um cara que gosto faz muito tempo, tem alguns trechos nele que até identificam com a situação. E tu escreve muito bem hehe!

    Beijos com Deus (:
    fantasticteengirl.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Que fofo o texto, super bem escrito! *---*

    Obrigada pela visita ao Garotas Malvadas!
    http://www.garotasmalvadas.com/

    ResponderExcluir
  4. Concordo com você quando diz que o amor aparece em momentos difíceis. Porque pelo menos foi assim para mim. Quando estava na pior, apareceu um ombro amigo que logo me chamou de amor e isso me fez me sentir feliz. Mas o que eu mais gostava era o fato de além de ser amada, era sentir o frio na barriga, tê-lo perto e sentir amada e distante amada também. Ain! Estou precisando me apaixonar novamente.

    http://Enfim Dezessete/

    ResponderExcluir
  5. @Ana Luisa Marqueti, Ah que legal que vc se identifica Ana, mas as vezes doi ne? rs Obrigada hehe, ainda estou em treinamento <3

    ResponderExcluir
  6. @Débora Queiróz, Poxa Débora que legal, é assim mesmo que acho que o amor nasce pra muita gente, espero que encontre um que dure por muito tempo <333

    ResponderExcluir
  7. Adoro seu blog, amei seu post !
    acesse o meu também:
    http://www.klara-forever.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Camila adoro seu blog e adorei seu post.
    acesse o meu tbm:
    http://www.klara-forever.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Deixe um recadinho com amor e será retribuído <3

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Desejo Adolescente - 2016. Todos os direitos reservados. Design e programação: Folks Creative Studio. imagem-logo